Erros na meditação

outubro 15, 2017

To english version click HERE.



Depois de dar uma rápida vista de olhos pelos posts sobre este assunto, apercebi-me que nunca falei aqui de duas coisas: o que é a meditação  e os erros mais comuns que as pessoas praticam, achando que é assim que deve ser. Ninguém precisa de tirar um curso para conseguir meditar, mas existem ainda algumas crenças que não passam de mitos que vos podem levar a não ter tanto sucesso nesta prática.

Meditar é ficar familiarizado com a própria mente, de maneira constante e profunda. Não tem mais nada que saber. Há vários tipos de meditação - o mais conhecido será a meditação através da respiração - a que eu aconselho, e que adoro.

O erro  mais comum, é achar que a meditação serve para esvaziar a mente. Não pensar em nada. A verdade é que se a forma correta de meditar fosse com o objetivo de não pensar em nada, nunca ninguém conseguiria meditar. Não pensar é simplesmente impossível. A ideia é acalmar a mente. Talvez silencia-la. O objetivo é esse. Não deixar de pensar, mas silenciar os pensamentos.
É importante saber que podem começar a sentir os benefícios da meditação logo na primeira vez  que praticarem. Claro que, para que esta tenha sucesso, a longo prazo, precisam de levar uma prática regular. Simples como sentarem.se, fechar os olhos, e respirar fundo 10 vezes.
- Em vez de tentarem esvaziar a vossa mente de todos os pensamentos, tentem apenas concentrar-se num. E observa o que acontece.

O segundo erro é achar que precisam de meditar durante períodos longos de tempo. Não. Há quem o faça, mas é apenas por opção. Este pensamento irá forçar-te a uma prática na qual não te sentirás confortável. Os benefícios da meditação vêm da qualidade e não da quantidade de tempo. Stressar sobre se estás ou não a meditar tempo suficiente, é uma preocupação que te vai fazer não ter sucesso na prática. Consegues encontrar um local calmo, onde te possas sentar durante alguns minutos e fechar os olhos enquanto fazes exercícios de respiração? Consegues encontrar um local onde te possas sentar tempo suficiente para relaxar os músculos do teu corpo?
São essas as qualidades de uma boa prática de meditação. Com o tempo, podes aumentar ao quantidade de tempo, se te sentires confortável com isso. Se só tiveres 4 minutos, é suficiente.

O terceiro erro é achar que a meditação é acerca da espiritualidade. Isto, em vez de reconhecer que a meditação é uma ferramenta para manter o equilíbrio e controlar os níveis de stress  aos quais submetemos o nosso corpo. A meditação não pertence a nenhuma religião ou filosofia de vida especifica. Esta prática tem sido usada há séculos com o objetivo de manutenção mental, emocional e saúde física. Não a deixes de lado por não te considerares uma pessoa espiritual.
A ciência tem vindo a atribuir inúmeros benefícios à meditação, e pode ser uma ferramenta fundamental que te irá ajudar a cumprir os teus objetivos.

Não caias nestes erros, e começa esta prática no teu tempo.


Com amor

Anna.

You Might Also Like

0 comentários

Share your thoughts with me :)