Decluttering

março 12, 2017

(english below)
Minimalism. Because the best things in life aren't things.

Quando inicialmente pensei no minimalismo, quando decidi que era um estilo de vida com o qual eu me identificava, pensei também que devia livrar-me de muitas coisas inúteis e que não usava. Essa foi a parte mais difícil. Eu tinha muitas coisas. Não em demasia, mas eram coisas que levariam dias até conseguir realmente fazer uma boa seleção do que valia a pena. Só de pensar nisto, deu-me vontade de não o fazer. Não sabia como nem por onde começar.
Mas depois parei. Eu já não suportava estar no meu quarto. Tinha de fazer isto.


Comecei a pesquisar, blogs, vídeos, até li livros sobre o assunto. E realmente era simples.

Primeiro, e o mais importante: porque é que querem fazer um "declutter"? Tem de haver uma razão. Pensei bem nisto, pode ser uma razão, podem ser vinte. Anotem essas razões, para que nunca as esqueçam e para que não deixem de fazer sentido. Assim vão sentir-se mais motivados a levar tudo até ao fim. O que eu fiz, foi escrever as razões e fazer um planner, estabeleci uma data para que até lá conseguisse fazer tudo.
(a palavra declutter não tem tradução em português, mas fazer um declutter significa que vão selecionar coisas para deitar fora).

Depois disto, comecem com o declutter. Mas por onde começar?
Uma regra essencial é: fazer um declutter por categorias e não por compartimentos. Se forem ao vosso quarto e começarem a fazer um declutter, começando com a roupa, depois podem encontrar mais peças de roupa noutros locais da casa, e provavelmente acabam por ficar com ela. Então, devem juntar tudo o que têm em casa de cada categoria, para que possam fazer uma melhor seleção.

1. Guarda roupa: peguem em todas as peças de roupa que têm e disponham as todas num mesmo local. Mesmo todas. Estabeleçam aqui a regra de que, se mais tarde encontrarem outra peça, a deitam fora. Façam a vocês mesmos estas perguntas, para cada peça de roupa: Quando foi a última vez que usei? (pra cima de um mês, vai pro saco); adoro a peça? (se a resposta for não, vai para o saco); como é que me faz sentir? (se não faz sentir nada, vai para o saco).

2. Livros. Está foi a mais difícil para mim. Adoro livros, adoro reler livros, por isso confesso que nesta categoria as coisas não correram como esperado. No entanto, as coisas mantêm-se. Juntem todos os livros no mesmo local. Livros técnicos que já não usem podem vender, dar ou até doar a uma biblioteca. Livros que compraram há mais de 6 meses mas que ainda não leram devem ter o mesmo destino. Livros que não tencionam voltar a ler, livros que não vos inspira qualquer tipo de sentimento. Ofereçam, doem, vendam.

3. Papeis. Aqui refiro-me a cartas, correio, cartões, cartões de visita, cartões de contactos, revistas, recibos, menus de restaurantes, manuais de instruções, contas, garantias, papeis escolares... Tudo o que seja papel. Vejam cada pedaço de papel e deitem fora (reciclem, por favor) tudo o que já não interessa, que já passou a validade, que não dão uso, que não vêm há mais de 6 meses, etc. Para que ficar com uma conta guardada se já a pagaram? Ou guardar manuais de instruções? confessem, alguma vez os usaram? As coisas que devem guardar aqui, são as garantias de objetos que ainda estejam dentro do prazo, contas não pagas, documentos acerca do carro e do seguro do carro, certificados, documentos médicos. Apenas papéis que tenha correntemente algum uso para vocês. O resto, levem para o papelão. Podem também reutilizar os papeis para bloco de notas, escrever recados, listas de compras. Cancelem qualquer subscrição que tenham de jornais, revistas, qualquer coisa que inclua papel. Utilizem um autocolante na vossa caixa de correio para não colocarem publicidade. Adiram ás faturas eletrónicas de tudo o que for possivel. Outra opção é passarem o que precisam mesmo para formato eletrónico, e assim podem mesmo desfazer-se de todos os papéis :) Imaginem o espaço que iam arranjar e a quantidade de árvores que vão salvar ao dizer não ao papel.

4. Material de escritório: Canetas, marcadores, lápis, borrachas, afias, fita-cola, post its, réguas, tesouras, cadernos, agrafador, furador, etc. Reunam todo este material no mesmo local e façam a vossa seleção. O que deve ficar - o que ainda estiver em condições/for novo; a utilidade, a necessidade de terem isso perto de vocês; a quantidade (para que ter 20 canetas azuis e 10 pretas...?). Guardem apenas o que usam com mais frequência. É normal terem mais do que uma caneta ou lápis. Mas para que terem 5 arquivadores? Quanto mais tiverem, mais espaço precisam, mais arrumação é necessária. Só vos vai dar trabalho.

5. Eletrónicos: vhs, DVDs, telemóveis, televisões, cabos, carregadores, computadores, USBs, mp3, ipods, tablets, camaras, rádios. O que é que já não usam? Vai fora. O que é que já não funciona? Vai fora. O que é vos faz sentir? Dá alegria? Fica. Se não, vai fora. Mesmo sistema - reunir tudo no mesmo local e começar a selecionar.

6. Espaço digital: Apps, listas de contactos dos telemóveis, menu do computador, menu do telemóvel/ipad/tablet, etc. Organizem tudo em pastas, desistalem aplicações que não usem mais do que 1 vez por mês, limpem contactos com os quais já não falam, deixem de seguir (redes sociais) pessoas/grupos que não conhecem/não têm interesse.

7. Make up: o que já não usam, o que já esta estragado, o que tem má qualidade, o que têm repetido. Desfaçam-se de tudo isto. Guardem apenas a make up que vale a pena guardar, que usam com frequência, que adoram.

8. Restantes compartimentos da casa (cozinha, wc, salas): Não usam, não trabalha, não traz qualquer tipo de sentimento, é feio, guardam só pelo sentimento de culpa. Vai tudo fora.

9. Itens sentimentais: o mais difícil, e que deve ser sempre feito por ultimo. presentes, fotografias, lembranças. Guardem apenas o que: tem valor sentimental, se o puserem à vista, se vão sentir falta e senão estão a guardar por culpa. Tudo o resto deve ser deitado fora.

Lembrem-se que devem fazer isto por vocês mesmos, pelo vosso bem-estar. Se acham que deitar algo fora, mesmo que corresponda a estas categorias, vos vai trazer infelicidade, causar stress, ou saudade, não o façam. Não há leis aqui, o minimalismo é uma forma de vos fazer sentir sãos. Felizes. Que vos faça sentir que não precisam de ter bens materiais para terem uma vida completa e feliz.
Também não precisam de fazer tudo de uma vez. Podem fazer um declutter as vezes que vocês quiserem, até estar tudo ao vosso gosto. Aqui quem faz as regras são vocês.

Atenção: sejam conscientes com tudo o que vão eliminar. Tudo o que puder ser doado, vendido, presenteado, deve ter esse destino. Sejam criativos com a sua finalidade. Se não tiver mesmo qualquer uso possível, informem-se se pode ser reciclado, e onde. Já há instituições que aceitam certos objetos para caridade. As rolhas das tampas, por exemplo, podem ser entregues e um determinado numero delas, é entregue uma cadeira de rodas a alguém. Pensem sempre em opções. E ajam sempre de forma consciente.

A.

-
When I first though about minimalism, or about having less things, only later it hit me: to have less things, I need to declutter everuthing that I have. I can't say I have much stuffs. Yet, it was a lot. And I just though about giving up because I just had no idea how to start!

But first things first.

Why do you want to declutter? Think about the reason you want to do it, and write it down. It could be one or 10. Just write everything down and keep that so you can always remember why you decided to do it. Then, let's get to work!!
You could have a Schedule, where you write what you want to do. Set a date or time, i.e., 20 days, and  write what you want to do each day. (I've done this in just 5 days,but I dedicate myself these 5 days just for that!)

- The reasons. Why you want to do this, your motivations. Without this, you could fail and not take this till the end!

- Start the declutter.



Now, what do you need to declutter?
E v e r y t h i n g.
Everything that you own, that's in you place, your house or your room. If you live solo, great, declutter all your house. If not, then just focus on your stuffs, what you own (but you can still try to convince your house mates to do the same).
Start with the easier things.
(You can choose your own order, just make sure you start with the easy one)

Wardrobe. Take all of your clothes and put them together in the same place. EVERY PIECE. And then, choose one and look at her, and remember when was the last time you wear it, how much you love it, and how does it make you feel. More than 1 month? You like it but you don't love it? It doesn't make you feel anything, doesn't bring any joy? - Throw it away.

Books. Same thing here. You know those books that you bought for you school or university and now that you've finished it you won't read it anymore? Why don't you sell it? And what about those books that you bought and after 6 months still haven't read it? Throw away, sell, presente someone with it. But don't keep it, you won't misse it.

Papers. Put all of your papers in the same place. By papers, I am refering to letters, junk mail, cards, business cards, magazines, receipts, takeout menus, manuals (from your eletronics), bills, warranties, school papers, and so on. You need to see everything, one by one, and throw away what it doesnt't matter anymore, or documents with expired dates. What shoul you really keep? Warranties that are still in date, unpaid bills, everything about your car or other vehicle (registation, ensurance papers...), any certificate, medical documents. Just the importante things. Remember that there are a lot of this things that you can store online and then discard (photos, récipes, receipts you think you might need...). Unsubscribe form paper subscriptions as well (imagine all the trash you won't do just with that!).

Stationery. If you're like me, you'll have a lot of these stuffs. I have. I love to buy this kind of things, I don't know why. Fortunally, I haven't bought anything for like 3 years maybe, but I still have a lot of those. So, the system it's the same: put them all together, see what still works and throw away what it doesn't. The make a list of what you really need in you daily basis and keep them. But remembre, you don't need 10 pens and 12 pencils. One or two and maybe another for reservation might be enough! What should you declutter in this category? Pens, erasers, pencils, sticky tape, staplers, post it nots, sharpeners, measuring tools,scissors, plastic sleeves, folders... Check the conditions, the porpuse, the need. Throw away everything else.

Eletronics. How many of you still have the old cell in a drawer? Or the old cameras? Here, you should put together all of eletronic devices that are still in your house (those who work and those who doesn't) like cameras,phones, radios, mp3 players, DVD players, tablets, headphones, cables, CD's, USBs, TVs... You should ask yourself 3 things: does it works?; do I use it?; does it bring me joy? If the answer is yes, keep them. If not, throw away.

Digital space. You phone menu, your apps, your contact list, you computer menu. Here you should declutter your computer and your phone. In computer: remove everything in your dock that you don't use; create a folders system; use dropbox, drives; erase every app you don't use and don't really need. In you phone, erase all the apps you don't use regularly (1 month without using it? erase); erase contacts that you don't use anymore; organize your apps in folders; delete messages. Keep you mail also without any read message. And in social media - unfollow/unsubscribe people/groups/etc you don't know. See how certain page makes you feel. If doesn't make you feel anything special, stop following it.

Make up. Well, same system. Don't use, don't like, it's not good, bad quality. Throw away, presente it to anyone you know thwt would like it. Do the same with you beauty products.

Kitchen, bathroom, Living room. Don't use, don't work, don't like, doesn't bring joy, it's ugly ... Anything that you don't use or simply don't like go away!

Sentimental things. This is probably the worst part. Those memories you have kept from your childhood, photographs, special presents. I confess that I still haven't done this. In part because I value a lot everything that reminds me of people that are already not with me, or something that was a gift and I love it. It's hard this one, and that's why is the last one.
So, in this one, you have to put everything together and concentrate in one item at time. Ask yourself "Does this item have emotional value?"; "Would I put this on display?"; "Am I keeping this out of guilt?"; "Will I miss it?".

It's okay if you don't do this in the first time you tried! Maybe you don't want to take something out.
And that's ok!! You just have to get rid of the things that you feel confortable with. After a month, repeat this and see if what you actually use what you keep, and maybe in that seconf time you should throw away.

See, when I say for you to throw away, it's not to put it in trash. You can donate it, presente someone with it, sell it, reuse it, i don't know. Be creative about it. But put in trash should be your last option, and make sure you are getting rid of domething in a proper way (recycle or compost it, if possible).

A.

You Might Also Like

0 comentários